Como atribuir um endereço IP fixo a sua máquina LInux (distro Mint)


Um Ip fixo é necessário se você pretende acessar um ou mais dispositivos computacionais (câmeras, computadores, robôs, acionar lâmpadas e ler dados de sensores, etc…) é necessário que possamos redirecionar as mensagens advindas de fora para cada uma máquina específica.

A forma como isto é feito é acrescentando ao IP (que é único para todo o seu sistema) uma indicação de porta por onde deve fluir a comunicação. Depois o roteador encaminha todo o tráfego destinado aquela porta para um IP interno.

Normalmente os roteadores atribuem endereços de forma dinâmica. Sempre que um novo sistema computacional é interligado na sua rede interna, ele solicita ao roteador, através de um serviço chamado DHCP, um novo endereço de IP. Estes IPś sã fornecidos em uma faixa especifica, por exemplo, de 192.168.1.1 a 192.168.1.255. Estes IPś são válidos apenas dentro de sua rede interna.  Externamente, somente um IP é associado.

Esta forma de operação, embora rápida e automática, não nos atende se queremos acessar externamente um dispositivo. Como o roteador vai saber o dispositivo associado a porta se a cada vez que ligamos um IP interno diferente pode ser alocado a cada dispositivo? Daí entram em ação os endereços de IP fixos.

Vamos mostrar aqui como deixar a sua máquina Linux distro Mint com um endereço fixo. E também como redirecionar todo o fluxo da porta 22000 para esta máquina. Estamos desenvolvendo um novo programa de controle via Web e esta será a porta que utilizaremos para o acesso remoto.

Observe na figura a seguir como fica estruturada a comunicação:

 

 

ipfixo_001

Fig1: Estrutura típica de distribuição de endereços IPs

O seu provedor atribui um IP para você. Este IP é dinâmico. Pode se alterar a intervalos aleatórios de tempo. Veremos como resolver isto depois.

O roteador, que normalmente tem quatro saídas para cabos e uma wifi. O roteador esta com o serviço DHCP ativado, ou seja, se entra um novo computador na rede que solicita um IP , o roteador irá atribuir um novo endereço na faixa para o qual foi configurado. Aqueles  sistemas a que foram atribuídos IP fixos, tais como o 192.168.1.31 e 192.168.1.50 da figura 1, estes não solicitam um novo endereço ao DHCP do roteador  e já partem com o seu endereço pré-configurado.

 

Para configurar o endereço IP fixo na sua máquina MINT:

Você irá precisar de saber o endereço IP interno do seu roteador, que está agindo com um gateway para a sua sub-rede. Olhe no manual do seu roteador como obter esta informação. Tipicamente temos os valores 192.168.0.1 ou 192.168.1.1.  Anote este valor.

Encontre o ícone do network manager na sua tela. Normalmente no canto inferior direito.

 

ipfixo2Fig2. Ícone do network manager

 

 

Clique com o mouse sobre o ícone. A seguinte janela deverá ser apresentada (os nomes podem variar um pouco, dependendo de sua configuração)

ipfixo003Fig 3: Seleção das conexões de rede

Clique sobre a conexão desejada, no caso só temos a “conexão cabeada 1” e selecione a opção editar à direita. No diálogo que se segue selecione a aba configurações IPV4.

ipfixo004Fig4: Configurando o IP fixo

Observe a figura 4. Em Método selecione “manual”. Em Endereço digite o endereço que deseja  atribuir a esta máquina, no caso escolhemos “192.168.1.31”. Em Máscara de rede insira “255.255.255.0”  e em Gateway insira o endereço IP interno do seu roteador, no nosso caso estabelecido em “192.168.1.1“.

Os servidores DNS que preferimos utilizar são os do OpenDNS. Os endereços são “208.67.222.222 e 208.67.220.220″.

Clique Salvar e reboot a sua máquina. A partir de agora este será o endereço IP associado à mesma.

Deixe um comentário