Netflix . Assistindo na TV com o Linux


Netflix na TV com o Linux

Serviços de “stream” de vídeo tais como o Netflix tem se mostrado uma opção interessante em termos de conteúdo e custo. Para aquele que possuem uma “smart tv” assistir a um filme pelo Netflix é questão de pressionar alguns botões no controle remoto. Mas, e para quem não tem uma smart tv?

Bom, se você não tem uma “smart TV” mas tem um computador laptop ou desktop antigo, de pouca memória para os dias de hoje, sem uso e apenas ocupando espaço no armário, uma boa solução para implementar uma smart TV pode ser utilizá-lo como central multimídia. Você assiste filmes, acessa ao Youtube, serviços de música, etc… E tudo isto controlado a partir do seu celular!

Dispositivos utilizados neste experimento

  • TV: Philips 40 polegadas, três  entradas HDMI, com uns sete anos de uso
  • Computador:  Laptop CPU celeron, 2 G de memória. Uma saída HDMI. Mais de 10 anos. Aposentado há algum tempo.
  • Celular android: AzusZenfone 2.

Instalação do SO e do navegador

Sistema Operacional: Mint 18.1. No momento em que este artigo foi escrito, a versão atual do Mint é a 18.2, que pode ser utilizada sem nenhuma alteração. O arquivo necessário para a instalação deste sistema operacional pode ser obtido em http://www.linuxmint.com/download.php . Sugerimos a instalação da versão MATE/64 bits, caso você queira manter o sincronismo com as telas e a forma de operação aqui descritas.

Navegador: Se você tentar acessar o Netflix (http://www.netflix.com) através do navegador Mozilla Firefox, que é o navegador instalado por padrão na distribuição Mint, receberá uma mensagem de erro. Isto se dá porque o Mozilla no Linux não integra os decodificadores de vídeo necessário para decodificar corretamente o stream de vídeo encriptografado. Mas, felizmente, o navegador Chrome, nas suas versões mais novas, já implementa esta decodificação.

Para instalar o Chrome, obtenha o arquivo google-chrome-stablecurrentamd64.deb , no endereço https://www.google.com/chrome/browser/desktop/index.html . Após o download clique com o botão direito do mouse sobre o arquivo e no menu que se abre selecione Abrir com instalador GDebi. Pressione o botão instalar. Após a instalação o ícone do Chrome estará localizado no menu Internet.

Já podemos fazer um teste rápido do sistema. Abra o Chrome e acesse o site http://www.netflix.com. Se já tiver uma senha entre na sua área, escolha um filme e veja se está tudo correndo bem. Se não tiver ainda a senha, se cadastre para poder realizar os testes.

Ajustando o som para sair na TV

Se você realizou o teste anterior com o PC ligado ao TV através do cabo HDMI, provavelmente a imagem ficou ótima porém o som está saindo do computador, e não nos alto-falantes da TV, . Para enviar o som através do cabo HDMI para a tv faça o seguinte:

Selecione o menu preferencias/som. Na tela que se abre selecione na aba Hardware a placa HDMI e na aba Saída a opção HDMI. A tela que você deve estar vendo será aproximadamente igual a esta.

Fixando o IP do computador

Agora já podemos assistir aos filmes com imagem e som na TV. Mas a seleção do filmes, ajuste de som e outros está sendo realizada via teclado e mouse. Nos tempos do controle remoto para tudo, não podemos adotar esta solução para a nossa central multimídia!

Podemos controlar o PC a distância de várias formas, e uma das mais simples é através de um celular Android simulando um mouse. Mas para usar esta solução precisamos garantir de que o PC irá receber o mesmo IP sempre que for ligado. Vamos garantir isto configurando o roteador da casa para atribuir sempre o mesmo endereço para este PC. A forma exata para se fazer isto depende um pouco do reteador empregado, mas as telas a seguir norteiam o procedimento seja qual for o roteador:

Identificando o MAC da placa de rede

  • 1- Em primeiro lugar identifique o endereço de hardware (MAC) da sua placa de rede, através do comando ifconfig em um terminal.

Observe que este comando deve retornar dois endereços de hardware. Um deles é o endereço da placa de rede com fio, e o outro o endereço da placa de rede sem fio. Se você tiver a disponibilidade de um cabo internet próximo,  utilize a opção cabeada, pois é mais rápida. Se não, como foi o nosso caso, anote o endereço de hardware da placa sem fio. No nosso caso foi o endereço 00:23:4E:5B:0C:F4.

Associando o MAC ao IP

  • 2- Abra a tela de configuração do roteador no navegador, geralmente o endereço de configuração do roteador é algo como 192.168.0.1, 192.168.1.1. Alguns fabricantes disponibilizam o endereço, nome de usuário e senha “defaults” na parte inferior do dispositivo. Para abrir esta página digite http://192.168.1.1 em uma aba do navegador.

Depois de abrir a tela de configuração do roteador, procure por um item do menu que se refere a “DHCP reservation”. É nesta posição que associamos um dado endereço de hardware a um endereço de IP. Se o endereço de hardware não tiver reservado, o DHCP do roteador irá atribuir endereços IP aos dispositivos que estão conectados segundo a ordem com que os mesmos se conectaram à rede.

Associe o seu endereço MAC ao endereço IP 192.168.1.14, ou outro de sua preferência. O importante é que o endereço deve estar na mesma sub-rede,isto é , se o IP do roteador for 192.168.0.1, o endereço associado ao seu PC deve ser algo como 192.168.0.x. Se o IP do roteador dor 192.168.1.1, o endereço associado ao seu PC deve ser algo como 192.168.1.x .

Outras formas de garantir o mesmo IP ao computador podem ser vistas neste artigo.


Controlando o PC através do celular

Existem muitos aplicativos que emulam o mouse e o teclado, permitindo o controle do computador através do Wifi. Geralmente é instalado um programa servidor no PC e um programa cliente no celular. Neste experimento utilizamos o aplicativo Andromouse.

Instalando o servidor

Para instalar o servidor andromouse no seu computador acesse o link http://www.andromouse.com/AndroMouseServer.zip e copie o arquivo androMouseServer.zip para o seu diretório home. Clique com o botão direito do mouse sobre ele e escolha a opção “Extrair aqui”. Será criado um diretório AndroMouseServer. Pode-se apagar agora o arquivo AndroMouseServer.zip . No diretório criado encontraremos o arquivo AndroMouse Server.jar.

Da forma como está atualmente, o nome do arquivo possui um espaço entre o “e” e o “S”. Corrija isto, eliminando o espaço e ficando com o nome “AndroMouseServer.jar”.

Clique com o botão direito do mouse sobre o arquivo .jar e selecione o menu “Propriedades”. Nas propriedades configure o arquivo como executável.

Se você clicar agora sobre o arquivo, ele será executado, abrindo um diálogo que nos mostra se está está conectado com o cliente ou não. Por enquanto não está. Mas, esta solução de clicar sobre o arquivo para iniciar o servidor não nos atende, pois iria exigir este procedimento toda a vez que iniciamos o computador. Precisamos de garantir que o mesmo seja executado automaticamente sempre que o sistema for inicializado.

Para isto selecione o menu Preferencias/Aplicativos de Sessão. No diálogo que se segue pressione Adicionar. No próximo diálogo entre com os seguintes dados:

  • Nome: AndroMouseServer
  • Comando: java -jar “caminhocompletode_AndroMouseServer.jar”
  • Comentário: Servidor mouse Android

Saia do diálogo e reinicie o computador. Após o reinicio o dialogo do servidor deverá ser apresentado na tela inicial. Isto significa que o servidor já está escutando nas porta correta, esperando pela conexão com um cliente que irá emular o mouse.

Instalando o cliente no Android

Procure pelo aplicativo Wireles Mouse and Keyboard, de XurajB Labs na playstore. Instale da forma padrão dos aplicativos Android.

Abra o aplicativo pressionando o ícone correspondente. Na tela que se abre selecione o menu New no canto superior direito. Na tela que se abre selecione a opção Wifi. Forneça o IP do computador remoto. Pressione Connect.

Configurando o cliente emulador mouse

 

Conexão com servidor confirmada

Deslize o dedo sobre a tela do celular e veja como o mouse se desloca pela tela do computador. Tudo o que você faz com o “touchpad” do laptop você faz com o aplicativo no celular. Você pode também emular teclado (ícone na parte superior a direita) e outros itens que são acessíveis através do botão do menu a esquerda na parte superior. Pronto, você tem o controle total do seu computador através do celular e rede de Wifi!

A tela correspondente ao seu “novo mouse/teclado/joystick” é a seguinte:

Touchpad virtual

Implementado uma chamada direta do Netflix a partir de um ícone na tela

Para facilitar a chamada do Netflix a partir do mouse emulado, vamos criar um ícone maior do que o convencional na tela do computador (que será apresentada na TV).

  • 1- Abra a área de trabalho
  • 2- Clique com o botão direito em uma área vazia.
  • 3- No menu que se abre, selecione “Criar Lançador”
  • 4- No diálogo que se segue:

Tipo: Aplicativo

Nome: Netflix

Comando: /usr/bin/google-chrome-stable   http://www.netflix.com

Descrição: Lançador netflix

Clique agora sobre o ícone e substitua pelo ícone de sua preferência, com um tamanho de 256 x 256 pixels, para se destacar na tela.

Agora, sempre que você clicar sobre este ícone “gigante” o navegador irá se abrir automaticamente na página especificada.

Iniciando na página sem login/senha

A combinação login/senha padrão do Linux é muito importante para a segurança, mas para o uso como central multimídia, atrapalha um pouco. Para eliminar este comportamento faça o seguinte:

Acesse o menu Central de Controle. Entre os submenus apresentados, acesse Users and Groups. No diálogo que se segue selecione o seu usuário (ou o usuário onde foram realizados os procedimentos acima) e altere a política de senha para Não perguntar pela senha no inicio de sessão.

Agora temos que iniciar automaticamente neste usuário. Volte ao menu Central de controle, selecione a opção janela de inicio de sessão e então a opção janela de início de sessão. No diálogo correspondente selecione a opção Início de sessão automático , selecionando o seu usuário. Salve tudo e reinicialize o computador.

O sistema deve entrar diretamente no seu usuário, ativar o servidor do mouse via android, mostrar o ícone gigante de ativação do netflix. Conecte com o celular ou tablet onde instalou o cliente do mouse virtual, selecione o ícone do netflix, e assista um bom filme.

Trabalhos finalizados por hoje!. Mas lembre-se de que este é apenas o início do nosso “home theater”. Mais apps virão nos próximos  dias 🙂

Até lá!

 

Deixe um comentário